O gaúcho Willian Peters conquistou o primeiro dólmã do MasterChef Profissionais 2018. (Foto: Divulgação/Band)

O gaúcho Willian Peters está entre os 14 participantes do MasterChef Profissionais 2018

Após nove embates e uma repescagem, os telespectadores conheceram terça-feira, 28 de agosto, os 14 cozinheiros profissionais que irão participar da terceira edição brasileira do talento show culinário MasterChef Profissionais. O episódio de ontem marcou 5 pontos de média, registrando pico de 6 pontos de audiência.

Oriundos de diversas partes do país, com experiências internacionais e passagens por diversos restaurantes brasileiros renomados, os participantes mostrarão gastronomia de alto nível durante esta temporada. Veja a seguir quem são eles:

Adriana, 35 anos – Professora de gastronomia – Ituiutaba/MG
Adriana. Foto: Divulgação Band

Mineira de Ituiutaba, Adriana é adepta de uma das linhas gastronômicas que mais crescem nos últimos anos: a cozinha vegana. Sua predileção pela área vem desde a faculdade, quando cursou Engenharia de Nutrição. Com muita determinação e dedicação ganhou uma bolsa e foi estudar na Le Cordon Bleu em Sidney, na Austrália, onde chegou a trabalhar no restaurante estrelado Wong. No Brasil, começou a dar aulas e possui um canal na internet onde já cozinhou mais de 300 receitas. Encarar as provas do MasterChef Profissionais, que muitas vezes inclui a preparação de carnes, é um enorme desafio que Adriana diz estar pronta para enfrentar.

Alex, 30 anos – Cozinheiro e Designer – Jacareí/SP
Alex. Foto: Divulgação/Band

Descendente de família chinesa, Alex passou a trabalhar na área quando foi morar nos EUA, onde cozinhou em pequenos restaurantes na Flórida. De volta ao Brasil, mudou de rumo e formou-se em design, mas sempre cozinhava para amigos. Trabalha com o pai no mercado municipal de Jacareí em sua loja de grãos e sonha em um dia voltar para cozinha. Excêntrico, se considera artesão e food designer e vê a gastronomia como uma oportunidade de voltar a se expressar. Sua especialidade, como não podia deixar de ser, é a cozinha oriental e promete trazer o tempero asiático para o MasterChef Profissionais.

André R., 33 anos – Cozinheiro e Colunista – Brasília/DF

André R. Foto: Divulgação/Band

André é formado em engenharia elétrica, mas a paixão pela gastronomia falou mais alto. O brasiliense largou tudo para trabalhar como auxiliar em um restaurante onde passou por todas as praças. Cozinha profissionalmente desde 2010 e hoje considera a cozinha italiana sua especialidade. Estudioso e atento as novas tendências, atualmente é consultor, colunista e faz um programa gastronômico na internet. Segundo ele, além dos dotes culinários, seus pontos fortes na competição serão, a inteligência, a segurança e sua personalidade forte.

Andre P., 27 anos – Chef de cozinha – Curitiba/PR

André P. Foto: Divulgação/Band

Andre cresceu vendo o pai fazendo pães. Apesar de fazer parte de uma família com grande identificação com cozinha, diz ser o único profissional. Adepto do estilo zen, pratica meditação. Em busca de uma vida mais equilibrada, hoje vive na Praia do Rosa em Santa Catarina com sua esposa e filha e é líder de uma restaurante onde estimula a reflexão e criação de seus colaboradores. Apesar da pouca idade possui um currículo extenso e é um dos cozinheiros mais versáteis desta temporada. Andre promete surpreender os jurados com sua cozinha autoral e regionalista.

Daniel, 27 anos – Chef de cozinha – Campo Grande/MS
Daniel. Foto: Divulgação/Band

O sul-mato-grossense Daniel é o primeiro representante do Pantanal no MasterChef Brasil. É inclusive presidente da Associação dos Cozinheiros Profissionais do Pantanal. Seu início na cozinha, no entanto, não se deu no Brasil. Foi em um intercâmbio para aprender inglês na Nova Zelândia, quando tinha 18 anos, Daniel se aventurou na cozinha pela primeira vez. De volta ao Brasil, foi pupilo do chef Paulo Machado e também trabalhou em um cruzeiro onde viajou para mais de 20 países. Hoje ele comanda o próprio restaurante e sonha alçar voos muito mais altos caso ganhe o MasterChef Profissionais. Competitivo, Daniel promete dar tudo de si em busca do tão desejado prêmio.

Heaven, 33 anos – Chef Proprietária – Petrópolis/RJ

Heaven. Foto: Divulgação/Band

Filha de mãe francesa e pai português, Heaven cresceu dentro de uma cozinha observando a mãe trabalhar. Cozinha profissionalmente desde os 12 anos no bistrô francês que os pais abriram em Florianópolis onde ajudava a mãe na cozinha enquanto o pai recebia os clientes no salão. Com vontade de explorar as diferentes gastronomias mundo afora, estagiou em restaurantes conceituados na França e em Portugal. De volta ao Brasil, passou por boas cozinhas até abrir seu próprio restaurante no Rio de Janeiro. Obstinada e de personalidade forte, Heaven é uma cozinheira muito técnica e garante possuir as qualidades necessárias para ser a próxima MasterChef Profissionais do Brasil.

Marcela, 26 anos – Chef de cozinha – São Paulo/SP
Marcela. Foto: Divulgação/Band

Marcela entrou no mundo da gastronomia com o pé direito. Seu primeiro emprego foi no restaurante Mocotó, do premiado chef Rodrigo de Oliveira. Apesar da pouca idade, já trabalhou em bistrôs, passou pela cozinha de navios e, há 2 anos, comanda a cozinha do renomado restaurante do chef peruano Gastón Acurio na capital paulista. Sua especialidade são os peixes e frutos do mar, mas também se aventura na cozinha indiana, filipina e grega, graças as viagens que fez. Estudiosa, Marcela demonstra ser uma cozinheira muito técnica e com um bom repertório. Concentrada e focada promete fazer o que sabe de melhor na cozinha do MasterChef Profissionais: cozinhar, cozinhar e cozinhar.

Manoela, 31 anos – Chef de cozinha e empresária – Uberaba/MG
Manoela. Foto: Divulgação/Band

Manoela é mineira e cresceu com muita influência da gastronomia caipira no sítio da família. Sempre sonhou com a cozinha mas nunca recebeu apoio familiar para transformar o hobby em profissão. Formada em nutrição, resolveu tomar as rédeas e mudar de vida. Após se envolver com o festival gastronômico de Araxá, passou por alguns restaurantes até chegar na cozinha do DOM, restaurante estrelado do chef Alex Atala. Foi lá que conheceu o esposo, também chef, com quem divide a cozinha numa empresa de jantares e eventos. A experiência e talento parecem não ser o bastante para Manoela, que está no MasterChef Profissionais para provar a si mesma que, apesar de ser autodidata, é capaz de vencer a competição.

Paulo, 26 anos – Chef proprietário – Maceió/AL
Paulo. Foto: Divulgação/Band

Criativo, o chef alagoano Paulo tem apenas 25 anos e já pode ser considerado um nome promissor de Alagoas. Muito criativo, seu estilo é contemporâneo e gosta de cozinha autoral. Possui um restaurante na pequena Marechal Deodoro, em Alagoas, onde combina técnicas diversas de gastronomia com elementos e inspirações de pratos da região. Apesar do jeito distraído e do sorriso constante, Paulo é competitivo e se orgulha de dizer que ganhou todos os concursos que participou, dentre eles o Enchefs Alagoas 2016. Se depender dele, no MasterChef Profissionais não será diferente.

Rafael, 35 anos – Chef proprietário – Niterói/RJ
Rafael. Foto: Divulgação/Band

Dono de um vasto repertório gastronômico, Rafael veio para o MasterChef Profissionais em busca do reconhecimento que ele já possui fora do país. O chef nascido em Niterói começou a cozinhar no exterior aos 19 anos e desde então passou pela cozinha de diversos restaurantes renomados na Europa e nos EUA, como o estrelado Eleven Madison, que ganhou a terceira estrela Michelin quando ele era subchefe e o internacionalmente conhecido Gramercy Tavern, ambos em Nova Iorque. Hoje, possui um restaurante em Paris onde imprime o seu próprio estilo de cozinha contemporânea. Rigoroso e perfeccionista, promete dar trabalho aos seus concorrentes.

Roberta, 28 anos – Cozinheira – Atibaia/SP
Roberta. Foto: Divulgação/Band

Roberta conheceu a gastronomia quando estava sem rumo em busca de uma profissão. Formada em gastronomia, é profissional há 7 anos e possui bons restaurantes em seu currículo. Começou como estagiária no DOM e depois trabalhou no Dalva e Dito, ambos do chef Alex Atala. Também passou pelo badalado Hot Pork, dos chefs Janaína e Jefferson Rueda. Cresceu na cidade de Atibaia, no interior de São Paulo, mas hoje mora na capital e vive uma busca constante por novos desafios. Cheia de atitude e apaixonada pela culinária entrou no MasterChef Profissionais para testar seus limites e levar o troféu para casa.

Simone, 57 anos – Chef proprietária – Maceió/AL
Simone. Foto: Divulgação/Band

Simone nasceu em Maceió, mas a sua especialidade é estrangeira. Junto com o marido peruano comanda há 22 anos a cozinha do primeiro restaurante de comida peruana do Brasil. Já ganhou o prêmio Dólmã de melhor chef de Alagoas em 2015 e ganhou a condecoração de Embaixadora da gastronomia do Alagoas pelo Enchefs (Encontro Nacional de Chefs). Formada em educação física, Simone é autodidata e aprendeu tudo que sabe sobre cozinha na prática e orgulha-se muito disso. No MasterChef Profissionais quer provar a si mesma que, apesar de não ter formação gastronômica, possui as qualidades necessárias para ganhar a competição.

Thales, 25 anos – Professor de gastronomia – Formosa/GO
Thales. Foto: Divulgação/Band

O goiano Thales é professor de gastronomia e vive em Brasília, onde se divide entre à culinária e o trabalho no banco. Já teve uma empresa de eventos e trabalhou como personal chef, mas sua paixão está na sala de aula. Formado pela Universidade Católica de Brasília com menção honrosa acadêmica. Thales não veio ao mundo a passeio, quer transformar a vida das pessoas e representar a gastronomia brasileira mundo afora. Metódico e dedicado, Thales estudou a fundo a competição e diz ser o mais preparado para ganhar esta temporada.

Willian Peters, 34 anos – Subchefe – Porto Alegre/RS
Willian Peters. Foto: Divulgação/Band

O gaúcho Willian Peters é um cozinheiro técnico e versátil. Em busca de novos conhecimentos, viajou para Espanha para estudar cozinha criativa no Instituto El Cett, trabalhou em restaurantes estrelados por lá como o DiverXo em Madri e o Comerç 24 em Barcelona. Hoje mora em São Paulo e continua traçando uma trajetória crescente, já que é subchef do Manioca, restaurante da premiada chef Helena Rizzo. Para compensar as várias horas que passa na cozinha, gosta de praticar crossfit todas as manhãs e acredita que este novo estilo de vida é um reflexo do bom momento que está vivendo. Experiente e de personalidade forte, Willian encontrou no MasterChef Profissionais a oportunidade de sair da sombra dos grandes chefs e seguir seu próprio caminho.

Em Porto Alegre Willian trabalhou em restaurantes como Le Bateu Ivre e Press Gastronomia.

Prêmios

O grande vencedor do MasterChef Profissionais vai ganhar o cobiçado troféu do talent show, além de R$ 200 mil com o apoio da Caixa. A Tramontina vai equipar a cozinha do vencedor com uma cuba completa, coifa, cooktop, fornos, panelas de aço inox, 1 kit chef de facas, além dos eletroportáteis Tramontina by Breville. Todos os desafios darão recompensas no cartão Carrefour: quem ganhar as provas individuais acumula R$ 1 mil, e cada prova em externa ou mini prova dá direito a R$ 500 para quem se sair melhor. Além, é claro, do tradicional prêmio para os dois finalistas, de mil reais em compras durante um ano no cartão Carrefour.

O MasterChef Profissionais, formato da Endemol Shine-Group, é uma co-produção da Band com o Discovery Home & Health que vai ao ar todas as terças-feiras, às 22h30, na tela da Band com transmissão simultânea no aplicativo da emissora. O programa é reapresentado às sextas-feiras, às 20h30, e aos domingos, às 18h50, no Discovery Home & Health.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here