Estamos em época de Semana Farroupilha. Nesses dias o sentimento de ser gaúcho aflora. O orgulho pelas cores do Estado é ainda maior.  Uma das coisas que é muito valorizada aqui no Rio Grande do Sul é a culinária gaúcha. Saborosa e rica em variedades, não deixa nada a desejar para nenhuma outra no mundo. A gastronomia é uma mistura do tempero brasileiro, italiano e alemão, mas tendo como marca registrada o pampa.

Pratos feitos com carnes são a preferência do povo gaúcho. Entre eles o tradicional churrasco, que é a referência da culinária do Sul do país. Confira um top list com dez pratos típicos do Rio Grande do Sul.

Churrasco

A origem do prato é desconhecida, porém, muitos atribuem aos países dos pampas do Sul da América Latina: Argentina, Uruguai e Brasil (mais especificamente, no próprio Rio Grande do Sul). Foi nestes locais que os chamados gaúchos tornaram o prato conhecido e típico.

Dicas para o churrasco perfeito. clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Arroz de Carreteiro

Popularmente conhecido como “Carreteiro”, é um dos mais populares pratos do Rio Grande do Sul. O prato surgiu quando os carreteiros (transportadores de cargas) que atravessavam o sul do Brasil em carretas puxadas por bois coziam, em panela de ferro, uma mistura de charque picada com arroz. A forma de preparar continua basicamente a mesma até hoje.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Tainha na Taquara

A região litorânea do Estado também tem pratos que ilustram o cardápio de comidas típicas. A tainha na taquara é mais popular no litoral sul e na região do lago Guaíba e suas ilhas, como a ilha da Pintada. O prato constitui-se de uma tainha – ou anchova – assada sobre a lenha em brasa presa a um espeto feito de bambu-taquara. Também é o prato típico mais vendido durante a Festa do Mar, realizada de dois em dois anos na cidade de Rio Grande.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Matambre recheado

Mais um prato feito a base de carne é o matambre recheado. Típico do Rio Grande do Sul e de países vizinhos, como Uruguai, Argentina e Paraguai. O matambre recheado é feito com a carne de mesmo nome, com o recheio de salsa picada, fatias de cenoura, pimenta e pimentão moído, ovos cozidos duros e condimentado com um pouco de azeite e sal.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Espinhaço de ovelha com aipim

Dessa vez a carne é a de ovelha. O espinhaço é uma parte da ovelha que vai do pescoço ao lombo e, normalmente, é dividido em pedaços (nacos, ripas) para ser consumido. Esse corte é conhecido por ser extremamente macio.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Paçoca de pinhão com carne assada

A Paçoca de Pinhão é um dos pratos típicos gaudérios que fogem um pouco da culinária convencional, mas sem perder a praticidade do preparo. A receita era feita pelos índios do sul que caminhavam longas distâncias e precisavam de energia.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Ambrosia

A Ambrosia é uma sobremesa tradicional portuguesa. É também o mais antigo doce de Minas Gerais e igualmente muito popular no Rio Grande do Sul. O doce também é conhecido com Manjar dos Deuses e é basicamente feito com leite, ovos e açúcar.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Sagu com creme

Impossível falar de doces típicos do Rio Grande do Sul, sem falar no sagu com creme. A sobremesa mais comum na mesa dos gaúchos, principalmente, nos domingos pós churrasco.

Receita: clique aqui.

(Foto: Sabores do Sul)
(Foto: Sabores do Sul)

Papo-de-anjo

O Papo-de-Anjo é um doce típico português, assim como a maioria dos doces a base de ovos, especificamente da gema. Também é uma sobremesa muito tradicional na culinária gaúcha.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Cuca

A cuca é um pão doce, típico da culinária alemã. Com a forte colonização deste povo europeu, o prato acabou se popularizando e hoje é muito comum você tomar um café, acompanhado de uma boa cuca.

Receita: clique aqui.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

46 COMENTÁRIOS

  1. queria uma que falasse do costume um pouco mais sobre a culinaria sobre um trabalho para escola, mas msm assim ajudou muito, vlwwww

    • Sou gaúcha da região serrana do estado. Na minha região por haver uma diversificação colonial de alemães e italianos posso afirmar que é muito presente nas nossas mesas as polentas, polenta na caldeira ou assada na chapa, que chamamos de polenta brustolada, com “fortaia”(omelete com queijo), salame, queijos e pão de forma, com vinho, torta tirolesa com massa de biscoito assada com doce de uvà e amendoim torrado e moído, muito macarrão a bolonhesa com parmesão, sopa de capeletti (massa recheada com carne), sucos de uva… famílias alemães cucas servidas no churrasco, com maionese, bolinho de batata frito, mandioca com farinha de mandioca frita no óleo, rizoto, galinhada… churrasco presente em todos festejos e na maioria dos finais de semana.

  2. otimo para fazer trabalho de escola e aprende varias coia so tem esse site e ,gostaria de saber quai são as comida preferida e como sao a alimentação deles ,mais mt obrigado me ajudo muitto se tivese mais um site desse seria td perfeito

  3. Nossa que legal..estou deixando minha cidade Trabalha aí estou passando entrando alguns sites para ja ir conhecendo pouco sobre cultura desse Linda Cidade..tudo o de bom nossa..🙋

  4. Trabalho escolar a respeito das comidas típicas do Sul ;porém de cor vermelha para gincana das cores alguém do sul poderia responder?

  5. ai que delicia cara e bom comer uma ambrosia com um mate bem quente tche que barbaridade aqui onde eu moro ta uma chuva bagual

  6. Sou do Rio Grande do Sul, e só conheço o churras (obviamente, é o principal) ambrosia, cuca,carreteiro e sagu e creme.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here