Cantina Cândido Valduga: A paixão pela comida Italiana

1Melhor Cozinha Italiana e Melhor Galeto de São Leopoldo

Referencia no que há de melhor no Vale dos Sinos. (Foto: Jorge Paulo)

2Melhor Cozinha Italiana e Melhor Galeto de São Leopoldo

Qualidade e sabor em todos os quesitos. (Foto: Jorge Paulo)

3Melhor Cozinha Italiana e Melhor Galeto de São Leopoldo

O sabor da típica comida italiana que pode ser degustada no almoço ou jantar. (Foto: Jorge Paulo)

4Melhor Cozinha Italiana e Melhor Galeto de São Leopoldo

Tudo feito com produtos orgânicos, o que dá sabor ao prato. (Foto: Jorge Paulo)

5Melhor Cozinha Italiana e Melhor Galeto de São Leopoldo

A casa comporta cerca de 70 pessoas, e o ambiente é super bem decorado. (Foto: Jorge Paulo)

 

 

Uma grande paixão pela comida italiana produzida sempre com amor e dedicação faz da Cantina Cândido Valduga referência no que há de melhor na gastronomia no Vale do Sinos. A tradicional casa tem a cozinha supervisionada de perto por Maria Eli Valduga, que idealizou seu projeto de vida há quase 20 anos e que até hoje é responsável pelo tempero do Melhor Galeto de São Leopoldo. “Procuro preservar a qualidade e o sabor e conto com a dedicação da equipe”, afirma.

Atendimento e cardápio

O cliente da Valduga conta não só com a simpatia dos atendentes como também com um ambiente acolhedor e o melhor, o sabor da típica comida italiana que pode ser degustada no almoço ou no jantar. Ao meio-dia é servido rodízio de filés e massas acompanhado de bufê com mais de 30 opções de saladas. As massas são produzidas na própria Cantina e entre elas estão as campeoníssimas espaguete, tortéi e nhoque, que são acompanhadas com um dos 10 molhos
disponíveis. Os prediletos são os molhos bolonhesa, seguido pelo pesto, carbonara e funghi. Os filés do rodízio são carnes nobres feitas na hora como o cliente preferir, bem ou mal passados. Mas o grande sucesso são os porpetones, que são os mais pedidos no almoço.

Tem as saborosas entradas também. São servidos pãezinhos com pastas especiais, maionese da casa, polenta frita, tábua de frios, polenta brustolada, sopa de capeletti, entre outros. Na Valduga são atendidas em torno de 50 pessoas por dia apenas para o almoço e esse número dobra nos sábados e domingos. Já o galeto é o prato do jantar e dos finais de semana. É feito com um tempero especial produzido pela própria Maria Eli, composto por itens básicos, como salsinha, cebolinha, alecrim e acima de tudo amor e carinho, segundo ela própria. Assim como para os molhos das massas, tudo feito com produtos orgânicos, o que dá um sabor inigualável aos pratos.

O preferido dos clientes

O al primo canto é o galeto preferido dos fiéis frequentadores da casa, e vem acompanhado de salada verde variada, salada tropical, costelinha de porco com farofa e abacaxi, filé na chapa, massas com os molhos escolhidos pelo cliente. A comida é servida à francesa e na temperatura ideal. Na carta de bebidas, vinhos da família Valduga, também chope e sucos. As sobremesas são na maioria os doces caseiros, como ambrosia, sagu e doce de abóbora.

Carinho pelos clientes

O carinho é tanto que para Maria Eli o bom atendimento é prioridade. Ela não permite que o cliente coma o galeto ou a massa frios, pensa no tempo de servir cada prato, para manter a qualidade e o sabor. “Enquanto o cliente aprecia as entradas, estamos assando o galeto. Nada é pré-pronto”, diz.

A casa comporta em torno de 70 pessoas, sempre bem decorado com flores naturais e em vista da grande rotatividade de clientes, não é possível contabilizar o número de frequentadores por mês. Mas são muitos, inclusive pessoas que vêm de longe para conhecer o restaurante e se tornam clientes fiéis.

Horário de atendimento

Abre de terça a sábado das 11h30 às 14h30, com bufê executivo além do rodízio de terça à sexta; e para jantar a partir das 19h30. Domingos, a partir das 11h30.

São Leopoldo/RS
Rua Coelho Neto, 78
Fone: (51) 35889800
www.ccvalduga.com.br
Instagram.com/ccvalduga



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here