Evento contou com um pequeno espaço coberto

Comida rápida, de qualidade e saborosa. Um ambiente extenso, com mesas e uma grama que convidava quem quisesse levar sua cadeira de praia ou sua canga para se sentar e saborear a sua refeição. O ambiente era descontraído e contava com famílias, amigos e até animais de estimação. Assim foi a primeira edição do Urban Food Festival, que ocorreu no último final de semana de novembro, em Novo Hamburgo.

A comida de rua tem se tornado uma tendência e não poderia demorar muito para chegar à Capital Nacional do Calçado. Os organizadores, Amanda Encina e Davi Braun, que também são sócios proprietários do food truck Jackie & Jack, perceberam que os eventos começaram a ocorrer na região e viram a oportunidade de reunir quem trabalha com comida de rua para que o público também tivesse conhecimento dos demais expositores.

Variedade não faltou para quem quisesse experimentar sabores únicos que a modalidade oferece. Entre os food trucks havia comida mexicana, frango frito, comida japonesa e tailandesa, pizza, pratos internacionais com ingredientes brasileiros, café e lanches. Já as barracas, comandadas por chefs, contavam com hambúrguer, sorvetes artesanais, carne desfiada em mini baquete e cerveja artesanal, entre outros.

Na barraca do chef Zi Saldanha, era possível encontrar o Red Hot Biquinho Pepper Burguer (pão de batata, com ketchup de pimenta biquinho, dois hambúrgueres de carne, queijo provolone e pepperoni crocante). Há quase dez anos no ramo da gastronomia, Saldanha diz que se sente mais à vontade na rua, devido ao fato de poder criar livremente e também manter contato direto com os consumidores. O chef tem um ponto fixo no Bonfim Food Park, em Porto Alegre, e ainda assina cardápios de restaurantes, como do Valentina, e presta assessoria aos estabelecimentos.

Na tarde ensolarada de domingo, os primos Viviane Montevaro e Fernando Benaiter resolveram pegar a estrada e ir até Novo Hamburgo para participar, pela primeira vez, de um evento de comida de rua. “Eu acompanho alguns programas de televisão americanos e sempre tive vontade de experimentar. Esperava que tivesse mais expositores, mas eu gostei. Hoje, eu tenho uma experiência diferente com a comida, quero comer e beber coisas boas”, contou Benaiter, enquanto degustava a cerveja artesanal. Já Viviane pode experimentar um burrito pela primeira vez. “Eu sempre queria participar, mas nunca tinha companhia. Hoje deu certo e pude saborear este prato pela primeira vez. Achei interessante a mistura de temperos e sabores”, relatou.

O Urban Food Festival teve patrocínio da Universidade Feevale e contou com apoio da Prefeitura de Novo Hamburgo.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here