A microcervejaria hamburguense Fat Bull foi medalha de bronze no Concurso Brasileiro da Cerveja, encerrado nesta segunda-feira (05), em Blumenau (SC). O evento é considerado o maior da América Latina e premiou a cerveja escura, encorpada e com notas de café, baunilha e caramelo Fat Bull Coffee Break na categoria American Style Imperial Stout. A Fat Bull foi a única de Novo Hamburgo premiada entre 2.859 rótulos inscritos na avaliação. A premiação aconteceu na noite desta terça-feira, 06.

Fechada ao público e focada na avaliação das bebidas, a competição é considerada a maior do gênero na América Latina e está entre as três principais do mundo. Neste ano, segundo a organização, o número de inscritos foi 40% superior ao do ano passado. Nesta edição, foram 148 estilos de cerveja avaliadas nos quesitos aroma, sabor, sensação de boca, corpo, carbonatação e equilíbrio da cerveja.

Mais sobre a Fat Bull
A cervejaria Fat Bull nasceu em julho de 2016, em uma garagem alugada no Centro de Novo Hamburgo (Rua Tapes, 503). Depois de dois anos de estudo e dedicação, os quatro amigos Alexandro Nunes, Tiago Bird e Daniel Jeffman lançaram o produto no mercado gaúcho.

No primeiro ano da cervejaria, os empresários cervejeiros percorreram 4.980 km de Madri a Portugal levando a cultura da cerveja artesanal hamburguense aos europeus. No Brasil, também estiveram em eventos marcantes como o Fenac Food and Beer e na 7ª edição do Ceva no Total.

Com pouco mais de um ano de atividade, a Fat Bull já obteve o título de Melhor Cerveja Artesanal de Novo Hamburgo, prêmio oferecido pela Revista Sabores do Sul em 2018. Agora, está buscando ampliar o nicho de distribuição da sua produção para além da região do Vale do Sinos.

A produção conta com 5 rótulos fixos: APA, IPA, Weiss, Export e Saison Dormund. A Fat Bull não é apenas uma boa cerveja, é também atitude e amizade.

Por Re-paginada assessoria



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here