Pascal Marty e Luiz Carlos Sella no vinhedo em frente ao Castelo Peterlongo

A Vinícola Peterlongo, de Garibaldi (RS), prova na taça que a qualidade de seus produtos não está restrita apenas a seus espumantes. O Peterlongo Elegance Nature e o Peterlongo Armando Memória Cabernet Sauvignon acabam de conquistar Medalha de Bronze na maior e mais influente competição de vinhos do mundo, o Decanter World Wine Awards, realizado em Londres.

Nesta edição, 219 jurados foram escalados para avaliar mais de 17.200 amostras de todo o mundo. Entre eles, 65 Masters of Wine e 20 Masters Sommeliers, responsáveis por eleger os melhores vinhos nas diversas categorias da premiação. Para o sócio-diretor da Peterlongo, Luiz Carlos Sella, a conquista é mais uma importante vitrine tanto para o Brasil como para o mercado externo. “Cruzamos um século de história repaginando cada produto, apostando na nossa expertise na elaboração de espumantes e inovando em nossa linha de vinhos tranquilos. O resultado chega com a conquista de prêmios mundo afora e na aceitação do consumidor que degusta na taça a evolução dos nossos rótulos”, comemora.

O Peterlongo Elegance Nature, Top Ten na Expovinis 2017, acumula mais este prêmio, colecionando reconhecimento e prestígio. Já o recém-lançado Peterlongo Armando Memória Cabernet Sauvignon é uma pequena amostra do que vem por aí. A linha de vinhos finos foi totalmente revitalizada, por dentro e por fora, para servir de entrada em casas especializadas, delicatessens, hotéis e restaurantes.

Ao apreciar este vinho é possível degustar o novo momento vivido pela empresa, que desde o ano de seu centenário, em 2015, vem investindo pesado na qualidade total, seja nos vinhedos e equipamentos, seja no pessoal e no processo de elaboração. Esta virada de página tem a chancela do winemaker da Peterlongo, enólogo francês Pascal Marty, que lidera um projeto ambicioso que começou prevendo um desafio inicial de uma década. Junto com ele, a enóloga Deise Tempass, acompanha o passo a passo que colocou a Peterlongo de volta na rota do vinho brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here