COMPARTILHE
Foto: Sabina Fuhr

Por Sabina Fuhr – 

Depois de dois meses de trabalho intenso a vindima na Serra Gaúcha está chegando ao fim.  O período da colheita é o mais emblemático para as vinícolas da região.  Encerrando este ciclo a Vinícola Salton reuniu entre os dias 7 e 8 de março jornalistas, blogueiros e instagrammers para vivenciarem a Experiência Salton.

Uma programação foi especialmente idealizada para proporcionar aos convidados toda a experiência da safra. Em Bento Gonçalves o grupo foi hospedado no Hotel Laghetto Viverone.

Vista de um dos quarto do nono andar do Hotel Laghetto. (Foto: Sabina Fuhr)

No quarto, uma carta de boas-vindas do diretor presidente da Salton e presentes: Grape Tea Salton e espumante Salton Paradoxo.

Presentes de boas-vindas. (Foto: Sabina Fuhr)

O Grape é o mais recente produto da empresa, uma bebida que leva chá e suco de uva. Pode ser encontrados nas versões Branco com Lichia e Moscato; Verde com Limão Siciliano, Erva-cidreira e Moscato, ambos de baixas calorias, além de Preto com Tangerina e Moscato e Preto com Frutas Vermelhas e Merlot. Já o espumante, é elaborado com as uvas Sauvignon Blanc, Chardonnay, Viognier e Prosecco pelo método charmat.

Restaurante Canta Maria do bairro São Bento. (Foto: Sabina Fuhr)

Na hora do jantar o lugar escolhido foi o novíssimo endereço da Canta Maria. O restaurante foi montado em uma casa no bairro São Bento (Rua Parnaíba, 777) reformada especialmente para torna-se um lugar espaçoso e confortável para servir almoços e jantares.

Alguns dos muitos pratos servidos no rodízio do Canta Maria. (Foto: Sabina Fuhr)

No cardápio, tradicionais pratos da culinária italiana como massas, galeto al primo canto, polenta, sopa de capeletti, radicci com bacon, pudim de leite e sagu com creme. Além de carnes, como entrecot e carré de cordeiro. A harmonização da comida começou com o espumante Salton Paradoxo.

Espumante Salton Paradoxo. (Foto: Sabina Fuhr)

Seguiu com um dos vinhos ícones da vinícola,  o  Salton Talento 2011. Elaborado com as uvas Cabernet Sauvignon, Merlot e Tannat dos melhores vinhedos das regiões da Sera Gaúcha e da Campanha. Estagia por 12 meses em barricas de carvalho francês e por mais 12 meses em garrafa.

Vinho Salton Talento. (Foto: Sabina Fuhr)

O resultado é um vinho com aromas de frutas vermelhas, cogumelos e chocolate. Seu sabor é intenso com taninos macios que conferem boa estrutura.

Espumante Salton Reserva Ouro. (Foto: Sabina Fuhr)

Quando a sobremesa foi servida – sagu com creme e pudim -, o espumante sugerida para harmonizar foi o Salton Reserva Ouro elaborado com as uvas Chardonnay (70%), Pinot Noir (20%) e Riesling (10%).

Café da manhã do Laghetto Viverone de Bento Gonçalves. (Foto: Sabina Fuhr)

No dia seguinte as atividades começaram cedo, mas antes disso, um café da manhã reforçado no Hotel Laghetto Viverone, para dar energia.

Experiência Salton

A linda sede da Salton. (Foto: Divulgação)

A Salton está situada no distrito de Tuiuty, no Vale do Rio das Antas, uma das rotas turísticas de Bento Gonçalves. Seu majestoso jardim e o imponente prédio inaugurado na ocasião dos seus 100 anos encantam já na chegada.

Painel na entrada da vinícola retrata a vindima.

O tour inciou logo na entrada da vinícola no painel que retrata a vindima.

Painel também retrata momentos de confraternização.

Em seguida, seguiu pela Galeria dos 100 anos onde através de pintura é mostrada a história da vinícola desde 1978, ainda na Itália, quando o fundador e patriarca da família Antonio Domenico Salton veio para o Brasil.

Desenho retrata o início da produção de espumantes na década de 1930: Descobrindo a vocação da empresa. (Foto: Sabina Fuhr)

O tour seguiu através das passarelas aéreas, onde o visitante pode ver o processo de recebimento, engarrafamento e produção das bebidas.

Recebimento de uva moscato, uma das últimas da safra. (Foto: Sabina Fuhr)
Da passarela é possível visitar toda a fábrica. (Foto: Sabina Fuhr)
Unidade é referência na elaboração de espumantes e vinhos. (Foto: Sabina Fuhr)

Além da unidade em Bento Gonçalves, referência na elaboração de espumantes, frisantes e vinhos no mercado nacional, tem outras duas localizadas em Jarinu (SP) e em Santana do Livramento (RS).

Degustação direto nos tanques

O grupo teve um privilégio reservado para poucos: degustar vinhos base direto dos tanques de inox. É com eles que serão feitos os futuros vinhos e espumantes da vinícola.

Degustação de vinhos base da Vinícola Salton. (Foto: Sabina Fuhr)

Provamos três representantes da safra 2017: um Chardonnay da Serra Gaúcha, um Chardonnay de Santana do Livramento e um Pinot Noir Rosé também da Serra.

Pinot Noir Rosé da safra 2017. (Foto: Sabina Fuhr)

Cave das Bordalessas

Outro momento super especial da Experiência Salton foi a degustação do vinho Desejo e de um Tannat na Cave das Bordalesas direto das barricas.

Na cava cerca de 1200 barricas franceses e americanas. (Foto: Sabina Fuhr)

O Salton Desejo Merlot fica por 12 meses em barricas de carvalho – 50% norte-americano e 50% francês – a temperatura de 10°C.

Degustação direto das barricas de carvalho. (Foto: Sabina Fuhr)

A visita e as degustações foram conduzidas pelo diretor presidente, Daniel Salton, pelo enólogo Gregório Salton e pelo Diretor Industrial Júnior Marcos Flamia.

Gregório Salton e Júnior Marcos Flamia. (Foto: Sabina Fuhr)
O diretor presidente Daniel Salton. (Foto: Sabina Fuhr)

Tour da Evolução

A etapa seguinte foi o Tour da Evolução. A cava é um labirinto escuro, escavados na rocha, a oito metro de profundidade. As visitas são conduzidas à luz de lampiões e canto gregoriano.

Anjos iluminam os caminhos do labirinto. (Foto: Sabina Fuhr)

Pelo caminho celas gradeadas, destinadas ao repouso de garrafas de vinhos, anjos coloridos que ajudam a iluminar os passos incertos dos visitantes e as taças em que os papas Bento XVI e Francisco beberam os vinhos da Salton quando estiveram no Brasil.

A linda sala de desgustação da Cava da Evolução. (Foto: Sabina Fuhr)

No final do labirinto uma impressionante sala de degustação, com uma mesa redonda recoberta de ladrilhos e cadeiras de espaldares altos ao centro, que evoca a enigmática cultura celta. Nesta sala, estão guardados os melhores vinhos da vinícola.

Degustação do espumante Lucia Canei. (Foto: Sabina Fuhr)

Na Cave da Evolução o brinde foi com o espumante Salton Lucia Canei Brut Rosé, elaborado pelo método champenoise 100% com uvas Pinoit Noir. Foram produzidas apenas 5 mil garrafas resultando em uma bebida com sabor cremoso, com excelente acidez.

Almoço harmonizado

Depois de todo o passeio foi a hora de desfrutar de um delicioso almoço harmonizado. Os pratos foram preparados pela chef Rúbia Zortéa e os vinhos sugeridos pela sommelier Sandi Marina Corso.

Almoço na Cave de Pedra. (Foto: Sabina Fuhr)

O espumante Salton Poético foi servido para acompanhar a tábua com queijo, salame e copa e com a Salada caprese com tomate, palmito pupunha, manjericão e pesto.

Espumante Salton Poética. (Foto: Sabina Fuhr)
Salada Caprese. (Foto: Sabina Fuhr)

Risoto de presunto parma e alho poró foi o primeiro prato que combinou perfeitamente com o espumante Salton Reserva Ouro.

Risoto de Presunto Parma e Alho Poró. (Foto: Sabina Fuhr)

Outro saboroso prato que fez parte do almoço foi o Medalhão de filé com legumes na manteiga.

Filé Mignon com legumes na manteiga. (Foto: Sabina Fuhr)

Para harmonizar com o filé a escolha não poderia ser melhor do que o tinto Desejo.

Vinho Salton Desejo. (Foto: Sabina Fuhr)

Para completar o almoço foi servido como sobremesa um Semifreddo de limão siciliano com calda de frutas vermelhas.

Semifreddo de limão siciliano. (Foto: Sabina Fuhr)

O vinho licoroso Salton Intenso foi o sugerido para acompanhar a delicada sobremesa.

Licoroso Salton Intenso. (Foto: Sabina Fuhr)

A programação encerrou com uma passagem pela varejo onde foi possível levar para casa alguns dos ótimos produtos degustados. Que bela experiência!

Roteiro de Visitação

Para participar do Roteiro de Visitação Tradicional o custo é de R$ 30,00 com bônus de R$ 15,00 para compras na loja. Já o Roteiro de Visitação Tour Evolução sai por R$ 80,00 e inclui degustação na sala de caves de pedra com queijos e frutas secas.

Mais informações acesse Vinícola Salton.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA