COMPARTILHE

Que a qualidade dos vinhos portugueses é constante e elevada não há dúvidas, pois há anos as vinícolas portuguesas conquistaram um lugar de destaque no mundo dos vinhos e mostram a excelência de seus produtos safra após safra. O Concurso Vinhos de Portugal 2016, organizado pela Vini Portugal, que aconteceu entre os dias 9 e 12 de maio, veio confirmar a imagem do país europeu entre os principais produtores do mundo.

A proposta do Concurso é valorizar o nível técnico, projetar internacionalmente a marca Vinhos de Portugal e contribuir para a expansão da cultura do vinho em geral, através de iniciativas ligadas aos programas de turismo e gastronomia. Foram 1.350 vinhos, de 383 produtores, que participaram da prova. Um júri composto por 145 enólogos e sommeliers elegeram os 7 Melhores do Ano e os vencedores das categorias Grande Ouro, Ouro e Prata.

A Porto a Porto, desde a sua fundação, mantém laços estreitos com Portugal, sendo que a Caves Messias foi a primeira vinícola portuguesa trazida ao Brasil pela importadora. Ao todo, cinco vinhos representados pela Porto a Porto foram premiados. O Porto Messias 1967 foi eleito o Melhor Vinho do Ano na categoria Porto Licoroso, além de ter recebido a medalha de Grande Ouro. Confira quais foram os demais rótulos.

Medalha Grande Ouro: Duorum Reserva Vinhas Velhas 2012

reserva-old-vines-2011-vinho-portugues-premiado-porto-a-porto

Tinto de aroma intenso e complexo, elaborado pelos enólogos João Portugal Ramos e José Maria Soares Franco através do projeto Duorum, na região do Porto. Apresenta excelente acidez, taninos firmes, mas maduros, bem envolvidos no seu corpo e volume. Um vinho cheio, intenso e de grande persistência final. A safra 2012 também possui 91 pontos da Wine Spectator.

Medalha de Prata: Duorum Colheita 2014

duorum-colheita-2013-vinho-portugues-premiado-2013

Tinto elaborado com as uvas Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinta Roriz também no projeto Duorum. Possui taninos firmes, maduros e suaves e acidez equilibrada, características provenientes do amadurecimento em barricas de carvalho francês durante 12 meses. A safra 2013 possui 91 pontos na Wine Spectator.

Medalha de Prata: Portal do Fidalgo 2015

portal-do-fidalgo-2008-vinho-portugues-premiado-porto-a-porto

Esse vinho é elaborado exclusivamente da casta Alvarinho, reconhecida como a melhor e mais fina casta branca portuguesa, pelo produtor Provam. É cultivada na pequena sub-região de Monção e Melgaço, incluída na Região Demarcada dos Vinhos Verdes. Um vinho elegante, frutado, mineral e fresco.

Medalha de Prata: Varanda do Conde 2015

varanda-do-conde-2015-vinho-português-porto-a-porto

Trata-se da melhor expressão da união da complexidade do Alvarinho com a suavidade da Trajadura, também elaborado pela Provam na região do Vinho Verde, norte de Portugal. Possui aroma elegante, com destaque para os frutos tropicais frescos e delicados. Em boca, é encorpado e equilibrado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here